Posts

Pátria com fundo de Cingapura levam rodovia Piracicaba-Panorama

O Consórcio Infraestrutura Brasil, do Grupo Pátria, associado ao Fundo Soberano de Cingapura (um dos cinco maiores fundos do mundo), acabou de ganhar, nesta quarta-feira (8), a maior concessão de rodovias do Brasil realizada em um único lote, com 1.273 km de estradas. O ágio foi de 7209,25% no trecho que liga as cidades de Piracicaba e Panorama, em São Paulo, com previsão de investimento de R$ 14 bilhões para os próximos 30 anos, período da concessão.

A abertura das propostas aconteceu na sede da B3, na capital paulista, e contou ainda com o grupo Ecorodovias, que, assim como o Pátria, também se associou a investidores internacionais, no caso, chineses. Esses dois movimentos deixaram para trás a expectativa do mercado de não haver participação de proponentes internacionais e anima os governos federais e do estado de São Paulo para as próximas concessões que estão por vir no Brasil.

Essa é a terceira concessão de rodovia do Grupo Pátria, todas no estado de São Paulo. Em sua primeira concessão, em 2017, o Grupo passou a administrar a Entrevias, no Centro-Oeste paulista. No fim de 2019, o Pátria anunciou a aquisição da Cart, responsável pela Rodovia Raposo Tavares.

Estrada aberta aos gringos

Governo quer estimular participação de estrangeiros no Programa de Investimentos em Logística

Leia mais

Programa de concessões pode ter mais 4 rodovias

Ao menos quatro lotes rodoviários localizados em Minas Gerais e em Santa Catarina estão sendo considerados pelo governo federal para serem incluídos no programa de concessões de infraestrutura. O Valor apurou que o Ministério dos Transportes deve encomendar nos próximos meses os estudos de viabilidade para delegar ao setor privado as obras e a administração de lotes nas rodovias BR­280 e BR­470 (SC) e BR­251 e BR­365 (MG).

Leia mais

Pedágio mais em conta

EcoRodovias surpreende e vence leilão da Ponte Rio-Niterói. Tarifa cairá para R$ 3,70 em junho

Leia mais

Tarifa menor pode congestionar ainda mais

Analistas defendem mais recursos em transporte de massa

Leia mais

Governo: nova série de concessões de aeroportos e portos

Rio de Janeiro – A presidente Dilma Rousseff anunciou nesta quinta-feira que seu governo impulsionará este ano uma nova série de concessões de estradas, ferrovias, portos e aeroportos ao setor privado, que pode incluir os terminais aéreos de cidades como Porto Alegre, Salvador e Florianópolis.

Leia mais

Rodovias têm o menor crescimento desde 2009

As concessionárias de rodovias chegaram ao fim do ano com movimento de veículos 2,4% maior do que no ano anterior. Foi o crescimento mais fraco desde 2009, quando fluxo subiu 2,2%.

Leia mais

Concessões em infraestrutura devem ser revistas

A nova edição do Programa de Investimento em Logística (PIL) prometida pela presidente Dilma Rousseff em seu discurso de posse deverá ser fruto de uma profunda revisão das linhas das concessões já em andamento. É bastante provável que o crédito para os projetos fique mais caro, avalia um interlocutor da presidente. Sem isso, é possível que os projetos encalhem na prateleira. “As condições de mercado mudaram e estamos em outra realidade”, diz.

Leia mais

Rodrigues assume Transportes e promete continuidade

O novo ministro dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, assumiu ontem o cargo falando em continuidade na gestão da pasta, que é comandada por seu partido, o PR, desde o primeiro governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 2003. Sem familiaridade com o setor, o ministro evitou a imprensa e teceu elogios a aliados políticos presentes, em especial ao presidente do PR, senador Alfredo Nascimento, que foi demitido do Ministério dos Transportes em julho de 2011 sob suspeita de superfaturamento de obras.

Leia mais